Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content

Notícias

Sugestões para manter a alimentação saudável e adequada nas festas de final de ano

 
É tempo de celebrarmos a vida, as conquistas e realizações do ano, de estarmos com pessoas queridas, de rever os sonhos ainda não realizados e de renovar forças para concretiza-los. Nesses momentos especiais, devemos lembrar que temos que continuar cuidando da nossa preciosa saúde.
Por isso, uma alimentação saudável e adequada também é fundamental nas confraternizações. O prazer tem que estar presente, mas sempre associado à variedade, equilíbrio e moderação.
Então, mesmo nas festividades, monte um prato colorido, com grãos e leguminosas, castanhas, frutas e verduras diversas, carnes magras ou ovos. Uma sugestão, nesse sentido, é, se você ficar responsável por levar alguma coisa, dê preferência a preparações que utilizem basicamente alimentos naturais, da estação, comprados em feiras locais, isentos de agrotóxicos, transgênicos e gordura trans e que utilizem óleo, sal e açúcar em pequenas quantidades.
Que tal aproveitar a ocasião para exercitar e partilhar habilidades culinárias? Explore receitas de família e de amigos e agrade a todos com muita comida saborosa e especial.
Outra sugestão é evitar os alimentos ultraprocessados, aqueles que sua avó não reconhece como comida e que têm uma lista de ingredientes enorme e com palavras difíceis até de pronunciar. Olhe o rótulo atentamente e lembre-se que os ingredientes são listados em ordem decrescente de quantidade, do maior para o menor.
Seja também crítico com os anúncios, os produtos e as dietas da moda amplamente divulgadas nessa época do ano. Lembramos que a publicidade pode ter objetivo mais comercial do que de atender à saúde da população. Busque acompanhamento de nutricionistas devidamente registrados nos Conselhos Regionais de Nutricionistas (CRN).
Outro aspecto que merece destaque é o espaçamento das refeições. Evite ficar muito tempo em jejum e chegar para o jantar/ceia com muita fome. Comer com regularidade, calma e atenção é importante para uma alimentação saudável. Além disso, lembre-se de desfrutar o que está comendo e a presença das pessoas que estão com você. Modere no consumo de álcool e não esqueça de ingerir água para evitar a desidratação.
Para finalizar, temos uma novidade para vocês: o Conselho Federal de Nutricionistas lançará no próximo dia 26/12, o pacto do bem: uma corrente pela alimentação saudável e adequada. Para participar, basta tirar uma foto ou gravar vídeo respondendo a pergunta: “O que você melhoraria na sua alimentação?”. Marque com a #DesafioCFN (facebook ou instagram) e desafie um amigo ou parente a fazer o mesmo.
Já que o novo ano está chegando, momento em que as pessoas elaboram lista de resoluções e compromissos para uma vida melhor, convidamos vocês a entrarem nessa corrente e assumirem compromissos com a mudança de hábitos, adotando uma alimentação mais saudável e adequada, com menos açúcar, sal e gorduras, livre de agrotóxicos e transgênicos.
Esse é o nosso desafio. Fique atento às informações divulgadas nas redes sociais do CFN e participe! #DesafioCFN
O que é alimentação saudável e adequada?
“A alimentação saudável e adequada é um direito humano básico que envolve a garantia ao acesso permanente e regular, de forma socialmente justa, a uma prática alimentar adequada aos aspectos biológicos e sociais do indivíduo e que deve estar em acordo com as necessidades alimentares especiais; ser referenciada pela cultura alimentar e pelas dimensões de gênero, raça e etnia; acessível do ponto de vista físico e financeiro; harmônica em quantidade e qualidade, atendendo aos princípios da variedade, equilíbrio, moderação e prazer; e baseada em práticas produtivos adequadas e sustentáveis”. Guia Alimentar para a População Brasileira 2014.
 
Fonte: Conselho Federal de Nutricionistas